Os amortecedores são peças importantes para o veículo, pelo simples fato de garantirem a segurança do carro nas pistas quando há algum desnível, como buracos ou lombadas. Porém algumas falhas graves, como problemas nesse sistema, podem ser decorrentes do uso de carros em terrenos para os quais eles não foram feitos, por exemplo.

Não é apenas isso que faz a diferença na preservação de um automóvel. Há uma série de outros fatores influentes nisso.

Por isso, preparamos algumas dicas para você conseguir manter seus amortecedores em dia e evitar imprevistos. 

 

Porque manter os amortecedores em bom estado?

Um amortecedor em bom estado de funcionamento pode proporcionar a um veículo, dentre outras coisas, uma maior preservação dos pneus.

Eles passam a estar totalmente em contato com o solo, o que torna o desgaste do pneu proporcional e aumenta a durabilidade da borracha.

E continuando no quesito durabilidade, a suspensão do carro também se beneficia de um bom amortecedor, pois, os desgaste diário das molas são reduzidos drasticamente quando essa peça está em boas condições.

Sendo assim, o veículo garante uma melhor dirigibilidade e conforto. Consequentemente, o motorista acaba tendo condições de pilotar de maneira mais relaxada.

 

Mas então, como posso cuidar dos amortecedores? 

Pode parecer algo complicado cuidar de uma peça que, em mal estado, afeta tantas partes do carro ao mesmo tempo. Porém, é algo mais simples do que parece.

São atitudes simples e diárias, que podem te ajudar a preservar o  amortecedor, fazendo-o durar por muito mais tempo.

A primeira coisa a se fazer é ter conhecimento do estilo de seu veículo. Seja ele um carro de passeio  ou até mesmo um caminhão. Certamente o seu automóvel tem características importantes que devem ser respeitadas.

No caso de veículos pesados, deve-se respeitar a capacidade máxima de peso a todo momento — pois se ultrapassar o peso máximo irá, aos poucos, estragar as condições dos amortecedores.

Quanto aos carros menores, a dica é tomar cuidado com estradas de terra ou rodovias muito desniveladas. A maioria dos automóveis de passeio não está preparado para esse tipo de via e isso pode prejudicar o amortecedor, e se caso se deparar com locais assim, diminua a velocidade consideravelmente.

Por fim, evite buracos no asfalto, essa é uma dica que vale a todos os tipos de automóveis. Buracos são os principais inimigos de um amortecedor.